Como fazer um plano de negócios para fazenda? Confira o passo a passo!

7 minutos para ler

Investir em pecuária traz grandes lucros, já que ela está na base econômica do nosso país e é importante para todos. Um plano de negócios para fazenda é essencial se você deseja alavancar nessa área.

Assim como para fazer qualquer coisa dar certo na vida é necessário um planejamento, ao iniciar sua criação de gado não vai ser diferente. São diversos fatores que você deve levar em conta antes de pôr a mão na massa. Você não vai querer investir seu dinheiro em algo que tem chances de dar errado, não é mesmo?

Quem está pensando em virar um grande pecuarista deve começar a planejar a sua parte administrativa, pois é um serviço penoso e de risco. Importante mesmo é ter pessoas qualificadas ao seu lado, e também tecnologia de ponta se quiser que tudo dê certo.

Para você ficar por dentro do assunto e não correr riscos na hora de iniciar sua carreira como pecuarista, criamos este guia prático que vai orientá-lo nos pontos mais importantes do seu plano de negócios. Acompanhe!

Entenda a importância de se realizar um plano de negócios para fazenda

Sendo uma ferramenta administrativa, o plano de negócios vai guiá-lo quando for planejar um empreendimento, estudar o mercado ou ampliar uma unidade da sua empresa. Para ajudar a concretizar o seu sonho, ele vai mapear os seus objetivos, reduzindo as incertezas e viabilizando o planejamento.

Para definir as melhores estratégias de aplicação, o plano de negócios estuda a realidade em que você está inserido, direcionando as suas decisões em momentos específicos, sobretudo para planejar ações.

Organizando as ideias sobre o seu empreendimento, fica mais fácil mapear os pontos fortes e fracos da sua fazenda. Durante esse processo, você vai descobrir mais sobre os seus possíveis clientes, fornecedores e concorrentes, bem como detalhes do seu ramo de atuação, dos produtos e serviços que está oferecendo.

Confira o passo a passo do plano de negócios para fazenda

Criar gado é, de fato, uma alternativa altamente rentável, entretanto não é um trabalho fácil. Para um empreendimento de sucesso, é indispensável você realizar corretamente o plano de negócios — portanto, siga as dicas com bastante atenção.

Primeiros passos do seu plano de negócio

Realize uma breve dissertação sobre as principais características do seu empreendimento, ressaltando:

  • do que se trata o negócio;
  • quais são os principais produtos ou serviços que você vai oferecer;
  • quem são seus possíveis clientes;
  • qual será a localização da empresa;
  • qual o montante de capital do investimento;
  • quanto será o faturamento por mês;
  • qual lucro você espera obter com o negócio;
  • quanto tempo você vai esperar para receber o retorno do capital investido.​

Agora que você já fez o básico, continue elaborando seu plano de negócio da seguinte maneira:

Características dos empreendedores

Aqui, você deve informar os dados dos administradores da fazenda. Apresente o perfil da pessoa, falando brevemente de seus conhecimentos, habilidades e experiência profissional. Imagine uma maneira desse perfil agir a favor do seu negócio.

Características do empreendimento

Agora você deve registrar o nome da empresa e inserir o número de inscrição do Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ) se ela já estiver cadastrada. Se você ainda não tem o CNPJ, coloque apenas o número do CPF.

Missão da empresa

O papel realizado pelo empreendimento dentro da sua área de atuação corresponde à missão da empresa. Representando seu ponto de partida, significa a razão de sua existência; caracteriza e dá rumo ao negócio. Por exemplo: se você cria gado de corte, a missão pode ser fornecer carne de qualidade para as pessoas.

Setor de atividade do empreendimento

Nesse caso, como se trata de uma fazenda de criação de gado, a atividade está inserida dentro da agropecuária no setor primário da economia.

Forma jurídica

Para criar uma empresa é essencial que haja a sua constituição formal. Sendo assim, você deve definir sua forma jurídica. Isso influencia a maneira como seu empreendimento será tratado pela lei, bem como a relação jurídica com terceiros.

Os termos variam entre Microempreendedor Individual, Empresário Individual, Empresa Individual de Responsabilidade Limitada, Sociedade Limitada.

Tributação

Cabe aqui decidir se você vai aderir ao Simples Nacional e ser beneficiado pela redução e simplificação das taxas tributárias. O enquadramento da lei se refere às microempresas que geram uma receita bruta igual ou inferior a R$ 360 mil por ano. Caso esse não seja seu caso, a tributação ocorrerá normalmente como previsto pela lei.

Capital social

Representa todos os recursos aplicados pelos administradores para a criação da estrutura da fazenda. Abrange desde o dinheiro investido até os equipamentos, ferramentas etc.

Fontes de recursos

Descreva a maneira como você vai obter os recursos necessários para a implantação do negócio na fazenda. Você pode realizar tudo com o dinheiro do seu bolso ou buscar investidores e empréstimos junto a instituições financeiras.

Análise de mercado

Na análise de mercado você vai buscar as condições externas que indicam por que a sua criação de bovinos pode dar certo.

Estudo dos clientes

Constitui uma parte primordial do seu plano de negócios. Aqui, o objetivo é compreender bem o perfil dos seus clientes para tomar as melhores decisões. Para isso, procure responder às seguintes perguntas:

  • Qual a idade dos possíveis clientes?
  • Qual o sexo da maior parte dos clientes?
  • Qual o tamanho da família deles?
  • Qual é a profissão que eles exercem?
  • Quanto ganham?
  • Onde moram?
  • Com que frequência eles consomem o seu produto?
  • Onde costumam comprar o seu produto?
  • Qual o preço que estão pagando pelo produto?

Estudo dos concorrentes

A chave do sucesso é aprender com seus concorrentes. Observe sempre a atuação deles, identificando as principais empresas no seu ramo e examinando seus pontos fortes e fracos.

Faça comparações em relação à qualidade dos produtos finais, preço cobrado, localização da fazenda, condições de pagamento, atendimentos prestados. Após isso tudo, entenda se você está competitivo entre eles e o que você deve fazer para as pessoas procurarem o seu produto (em vez de optar pela concorrência).

Estudo dos fornecedores

Os fornecedores são todos aqueles que vão disponibilizar as matérias-primas e equipamentos para a sua fazenda. Faça um estudo levantando os principais fornecedores do mercado, buscando sempre qualidade para os seus insumos.

É importante manter um cadastro bem atualizado desses fornecedores, anotando sempre questões como o preço, qualidade dos produtos, condições de pagamento e o prazo de entrega.

Plano Financeiro

Durante o plano financeiro você vai determinar o número de recursos a serem investidos para que o seu negócio comece a funcionar. O total dos investimentos é composto pelo seguintes fatores:

  • investimentos fixos;
  • capital de giro;
  • investimentos pré-operacionais.

Agora você já aprendeu a fazer um ótimo plano de negócios para fazenda. Está pronto para colocar a mão na massa e alavancar a sua criação de bovinos? Não perca tempo e invista neste setor tão promissor.

Se você gostou das dicas, assine nossa newsletter e receba todas as nossas atualizações em seu e-mail!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-